CURSOS E WORKSHOPS DESENVOLVIDOS PELA OICD

   OICD – Ordem Iniciática do Cruzeiro Divino tem suas atividades voltadas à formação sacerdotal, seu braço religioso, no entanto se preocupa com a difusão para a sociedade em geral de informações sobre as religiões afro-brasileiras, sem o caráter iniciático, que objetivam fortalecer o respeito às mesmas por meio do conhecimento da cultura própria das religiões afro-brasileiras. Para este fim desenvolveu ao longo de sua trajetória metodologias que viabilizassem a vivência – na forma de workshops; para além dos rituais e toques públicos disponibilizados gratuitamente há 49 anos. Estes cursos e workshops visam informar a epistemologia, método e ética próprios dos três núcleos duros: umbandas, encantarias e candomblé desenvolvidos na OICD.

    Para tanto, desenvolve cursos desde a década de 1980 e vivências várias por meio dos workshops desde os idos da década de 1990. Cita-se como algo histórico na instituição, entre outros, o curso CAP – Centro de Aperfeiçoamento da Pessoa, que retorna no ano de 2019 em nova versão atualizada. Entre os workshops temos o de Exu, que teve sua primeira versão nos primeiros anos da década de 1990 e se mantém ativo anualmente até os dias atuais. Outro evento a ser retomado é o workshop“Comendo com os Orixás”, que também retorna em versão atualizada. Estes cursos e workshops foram a base de um projeto institucional que veio culminar em um projeto educacional de larga e profunda escala, qual seja, a FTU – Faculdade de Teologia Umbandista no ano de 2003/2016 – curso autorizado e reconhecido pelo MEC que constituiu o braço acadêmico formativo, em bacharel e bacharela em Teologia, mas isto não obstruiu nem inviabilizou que de modo concomitante a OICD mantivesse, como mantém, seus cursos com base informativa. Ressaltamos que assim atua há 30 anos na busca de difusão da cultura religiosa afro-brasileira.

   Cumpre dizer ainda que a FTU nunca formou sacerdotes e sacerdotisas. A OICD – Ordem Iniciática do Cruzeiro Divino, mantenedora da FTU, sempre defendeu e defende que a iniciação e formação sacerdotal se dá única e estritamente na relação entre pai/mãe de santo com filho/filha de santo dentro dos terreiros. Desta forma, o objetivo da FTU era educacional, formativo, ficando a formação inicial a cargo dos terreiros. Assim, os cursos e workshops não têm ligação com a iniciação em nossa instituição.


Mãe Maria Elise Rivas
Íyá Bê Ty Ogodô
Mestra Yamaracyê

 

*Texto extraído do livro OICD - Escola de Iniciação desde 1970 - vigência 2019, p. 179-180.

Conheça mais de nossos cursos

Cadastre seu e-mail para receber nossas atualizações

Siga a OICD:

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram

© 2020 Ordem Iniciática do Cruzeiro Divino - Desde 1970